Jesus já voltou !

10 05 2017

Quando Jesus nasceu, cresceu e começou a pregar, uma grande parte das pessoas não acreditaram nele. Preferiram não abandonar a Lei de Moisés e seus mandamentos baseados no temor ao Deus. O formato de Jesus, como um andarilho humilde e pobre pregando o amor – não se adequava à um Rei.

Ainda hoje, muitos preferem estudar a fundo o velho testamento, do que as palavras de Jesus na própria Bíblia. Eu cá comigo …”por que estudar as velhas escrituras ao invés de trilhar os passos de Jesus nas fantásticas escrituras de seus apóstolos diretos..”. Mas tudo bem. Culturalmente pode ser interessante.

Me deparo assim, a pessoas super inteligentes que realmente buscam uma religiosidade. Estudam sistematicamente a bíblia inteira. E fico assim, sinceramente, com pena. Um dia também tinha essa sede de conhecimento, mas uma sede que não se contentava nunca, pois sabia que as respostas que eu queria não estavam ali. Tinha muito, mas, muito mais questões que me afetavam… e quebrando preconceitos consegui transbordar a própria Bíblia…

E posso dizer – felizmente eu encontrei as respostas.

Mas como dizer para aquelas pessoas, amigos e colegas, que ainda estudavam na Bíblia, o Velho Testamento, e ainda reclamavam das poucas e fracas explicações de seus cultos… Tento tocar no assunto, buscando apenas levar a devida importância nos atos dos apóstolos em detrimento ao Velho Testamente, mas já recebia críticas.

Se por tão pouco, já tinha barreiras, como então revelar todas as respostas que a Doutrina Espírita me mostrou. Tamanha luz de razão que poderia ser comparada à aparição de Jesus a Saulo de Tarço, fazendo-o inicialmente cegar, mas que posteriormente desvendou-o para a verdadeira realidade dos fatos.

Assim, nesse mais novo formato, Jesus apareceu – em espírito, pelo envio da Doutrina Espírita, revelando diretamente todas as questões que Ele não podia explicar há dois mil anos atrás. E mais uma vez grande parte da população do mundo não acreditou e ainda não acredita nele. Muitos ainda dizem que Jesus irá voltar…

Amigos, sinto muito, mas Ele já voltou.

Referências





Estou desempregado, tudo dá errado. Isso é Destino ? Como acerto minha vida?

9 05 2017

“Tudo parece acontecer errado. Nada dá certo. Minha vida está amarrada. ”

Lamentações como essas além de serem altamente negativas, ferindo o amor-próprio do indivíduo, leva muitas pessoas ao desespero, seja pela falta de perspectiva ou pela sequencia de “portas fechadas” da vida.

Muito bem, vejamos na Doutrina Espírita, o que nos revela:

862 Existem pessoas para as quais nada sai bem e que um mau
gênio parece perseguir em todas as suas ações; não está aí o que
podemos chamar de fatalidade? (Allan Kardec)

– É uma fatalidade, se quiserdes chamar assim, mas é decorrente da
escolha que essa pessoa fez para a presente existência, porque há pes-
soas que quiseram ser provadas por uma vida de decepção, para exercitar
sua paciência e sua resignação. Não acrediteis, entretanto, que essa fata-
lidade seja absoluta; muitas vezes é o resultado do falso caminho que
tomaram e que nada têm a ver com sua inteligência e suas aptidões. Aquele
que deseja atravessar um rio a nado sem saber nadar tem grande proba-
bilidade de se afogar; assim é com a maioria dos acontecimentos da vida.
Se o homem somente empreendesse coisas compatíveis e de acordo
com suas capacidades, quase sempre teria êxito. O que faz com que se
perca é seu amor-próprio e sua ambição, que o fazem sair de seu caminho
e o induzem a considerar como vocação o desejo de satisfazer certas
paixões. Ele fracassa e é por sua culpa; mas, em vez de admiti-la espon-
taneamente, prefere acusar sua estrela. Seria melhor ter sido um bom
trabalhador e ganho honestamente a vida do que ser um mau poeta e
morrer de fome. Haveria lugar para todos, se cada um soubesse se colo-
car em seu lugar.

Duas situações são decorrentes: uma vida de decepções como prova para exercitar a paciência e resignação, e de outra forma, pelo próprio livre arbítrio ao tentar seguir um caminho indevido.

Não temos meios de saber qual é o caso nesta vida, portanto qual seria a solução?

Uma tendência atual no mercado de trabalho é ocultar cursos e especializações para conseguir um emprego em um cargo inicial. Com o tempo na função, outras oportunidades podem surgir.

Outra situação, seria repensar o caminho… Muitos brasileiros estão estudando para concurso há anos sem sucesso… Volte e revise seus métodos, materiais e cursos. Pode ser que não tenha conseguido aprender a aprender ! Mude o modo de estudo. Pesquise. Reinvente. Reveja os objetivos, se não são amplos demais, faça primeiros concursos de Prefeituras, que são mais fáceis de ingressar. Estudar pra tudo, pode ter resultado algum. Foco, objetivo estreitos e metas.

Pode ser que o indivíduo passe toda vida tentando uma carreira de “poeta”, contudo não pode morrer de fome. Seja o “poeta”, um concurso público, um trabalho de nível superior bem remunerado, ou  vida de artista famoso mesmo, se tal objetivo não se concretizar no tempo programado, vamos parar – orar e meditar. Quem sou eu? De onde vim? Para onde vou? Quais são minhas vivências? Quais meus dons? Quais meus métodos? Qual é meu objetivo primário e secundário? Quais ações diárias estou investindo no meu futuro? Quais meus defeitos? Eu falhei até agora e por que? Anote tudo, crie mais perguntas sobre si mesmo e reflita.

Muitas vezes um sonho, não precisa morrer, mas pode ser melhor tê-lo como um hobby e buscar uma remuneração em outro setor…

Saibamos que toda ação, possui reações. Muitas vezes a reações que gostaríamos de ver não acontecem da forma que estávamos pensando, mas elas acontecem.

Por exemplo, um indivíduo fez três anos de curso de português para concursos e mais alguns anos estudando direito. Não teve sucesso. Contudo no futuro ele se tornou um escritor e tradutor.

Por outro lado, muitas vezes a preguiça, a falta de interesse e o desperdício de tempo com televisão e eletrônicos podou grandes chances do indivíduo prosperar… São muitas situações, casos e possibilidades para levar uma pessoa ao fracasso ou perder chances importantes.

E assim as coisas acontecem.

Mas tenha certeza de uma coisa – Nunca é tarde para começar.

Investir no AGORA é essencial. Não sabemos o futuro…

868 O futuro pode ser revelado ao homem?
– Em princípio, o futuro é desconhecido e apenas em casos raros ou
excepcionais Deus permite que seja revelado.

869 Com que objetivo o futuro é oculto ao homem?
– Se conhecesse o futuro, negligenciaria o presente e não agiria com
a mesma liberdade, porque seria dominado pelo pensamento de que, se
uma coisa deve acontecer, não tem por que se preocupar, ou procuraria
dificultar o acontecimento. Deus quis que assim fosse, para que cada um
cooperasse no cumprimento das coisas, até mesmo daquelas a que gos-
taria de se opor. Assim, preparais, vós mesmos, freqüentemente sem
desconfiar disso, os acontecimentos que sucederão no curso de vossa
vida.

Sendo assim, devemos nos esforçar o máximo em nosso melhoramento pessoal, desenvolvendo paciência, resignação, disciplina, persistência, mas ao mesmo tempo não deixar que um objetivo, um sonho, nos leve a doença, transformando em uma auto obsessão.

Antes de nascer, o próprio indivíduo escolhe muitos dos acontecimentos difíceis e provas que terão que suportar.

Parece contraditório, mas tal sofrimento na realidade é uma benção ! Muitas vezes, é verdadeiramente o perdão que o indivíduo recebe, sentindo e resgatando assim – o efeito de seu próprio ato indevido praticado em vidas passadas.

Pior do que sofrer é apenas curtir…

866 A fatalidade que parece marcar os destinos materiais de nossa
vida seria, também, o efeito de nosso livre-arbítrio?
– Vós mesmos escolhestes vossa prova; quanto mais for rude e melhor
a suportardes, mais vos elevareis. Aqueles que passam a vida na abun-
dância e na felicidade humana são Espíritos fracos, que permanecem
estacionários. Assim, o número de desafortunados ultrapassa em muito o
dos felizes neste mundo, já que os Espíritos procuram, na maior parte, a
prova que será mais proveitosa. Eles vêm muito bem a futilidade de vossas
grandezas e prazeres. Aliás, a vida mais feliz é sempre agitada, sempre
inquieta, apesar da ausência da dor.

Desistir nunca. Todo o conhecimento é bagagem cultural que expande a alma para o infinito. Não importa a idade. Aprender com 80 anos não é um desperdício, mas um facilitador para existências futuras. Pior do que sofrer, é se acomodar.

O fracasso nunca é eterno, e aproveitar tanto o sofrimento quanto o esforço, é tarefa difícil, mas muito importante para que o indivíduo possa resgatar atos passados praticados contra a Lei da Natureza e ter certeza de que um dia será feliz na agitação do dia-a-dia.

 

Referências

Allan Kardec. Livro dos Espíritos (Le Livre des Esprits). Princípios da Doutrina Espírita. FEB. 1857. Tradução 2004.

 





Dieta recomendada pelos Espíritos

11 04 2017

A alimentação ideal recomendada é a que não se comete excessos. Se puder evitar carne de mamíferos, melhor, contudo não é a retirada da carne que fará uma pessoa se elevar, Hitler era vegetariano. Podemos então verificar mais uma vez que o importante é diminuir os excessos, mantendo uma dieta equilibrada.

Se tiver compaixão pelos animais, pare de comer carne. Se o seu organismo não suporta tal retirada, continue se alimentando de carne! Mas em todos os casos, sem a gula.

Obviamente que não é o tipo de alimentação que transformará a moral do indivíduo. Mas uma pessoa melhor certamente irá procurar uma alimentação correta, balanceada, sem exageros ou radicalismos.


DIETA ESPIRITUAL

Casimiro Cunha

Ergue-te cedo e bendize
O sol da renovação.
Começa o labor do dia
No convívio da oração.

Trabalha espontaneamente
No que te cabe fazer.
Espalha o serviço, em torno

Além do próprio dever
à frente de quem precise.
Não transites de relance.
Socorre, quanto puderes,

Toda aflição que te alcance.
Cultiva a intenção correta,
Estende o braço cortês,
Escuta com vigilância,
E fala com sensatez…

Esquece a própria pessoa,
Mas, ante o bem coletivo,
Ampara a causa de todos.

Na compaixão de olho vivo.
Atende aos tratos da vida,
Na obrigação sem atraso.

Defende a própria saúde,
Comendo no prato raso,

Bebe água limpa da fonte,
Coloca o banho em rotina,

Repousa durante a noite,
No estudo e na disciplina.

Se a mágoa chega e te fere,
Exerce a bondade e vence-a.

Todo conflito reclama
Firmeza na paciência.

Resguarda a paz em ti mesmo
E, em todo mal imprevisto,
Recorre ao receituário
Do médico Jesus -Cristo.
Livro “Notícias do além” – Francisco Cândido Xavier – Eurícledes Formiga – Espíritos

 


 

 





Resistindo a tentação

24 01 2017

jeanne.jpgTentação é um estímulo ou indução a um ato que pareça atraente, ainda que seja inapropriado ou contradiga alguma norma ou convenção social sendo, consequentemente, proibido. A definição de tentação pode ser aplicada a uma ampla gama de ações (por exemplo, o desrespeito a uma restrição alimentar, a trapaça, a ostentação de artigos de luxo, a procrastinação. (Wikipédia)

Quando se estuda a Doutrina Espírita, verifica-se a necessidade de vigilância de nossos atos, pois todos geram consequências, mesmo o ato de não fazer simplesmente nada! Sim, toda causa tem efeitos. Deixar a oportunidade de praticar o bem é fazer o mal !

Analisando assim nossas ações diárias, verificamos suas reações. Muitas delas podem com certeza produzir reações negativas para nossa própria pessoa. Ainda assim, fazemos. Seja por afinidade a elas, por vício, ou mesmo por desejar, gostar, ter prazer, apenas querer e pronto!

Traições, consumo de produtos maléficos a saúde, indo desde fofocas no trabalho a excessos de todos os tipos, sexo de risco, desrespeito ao patrimônio alheio, etc. Tudo isso para satisfazer o nosso “querer”.

Assim – tais atos que gostamos de fazer, mas que sabemos produzir efeitos negativos – são as tentações !

Para compreender melhor tal situação, adentremos na visão Espírita sobre o assunto:

Nunca estamos sozinho, nesse exato momento, uma gama variada de espíritos está ao nosso lado, nos observando, influindo sugestões em nossas mentes. Verifica-se que muitos dos pensamentos dos indivíduos, não são de origem própria, mas sugestões de espíritos próximos. Tal fato está reportado facilmente na Codificação e nos livros psicografados por Chico Xavier.

Assim, resistir a uma tentação, não é fácil. Primeiro porque simplesmente gostamos dela ! Mas sabemos que produz efeitos negativos ! Então decidimos não realizá-la – vamos resistir !

Mas nesse momento entra em cena as sugestões dos espíritos que também se beneficiavam de  alguma forma com a prática de tal ação. Os segundos passam e surgem pensamentos, e até imagens mentais nos levando a prática da tentação !

Podem pensar:

_ Sinistro !

Mas é.

Então, o que fazer ?

Ai vai minha receita:

  1. Na emergência, mude de ambiente, faça outra coisa imediatamente que também tenha prazer, mas que não seja nocivo: ai vai desde cantar, tocar violão, andar de bicicleta…
  2. Reorganize seu tempo para que não tenha mais tempo ! Faça uma agenda forte de atividades produtivas, participe de grupos de estudo, instituições, esportes, trabalhos voluntários nos horários livres ! Depois de um tempo nesse ritmo, olhe para trás e veja o verdadeiro sentido de viver – ao perceber que você fará falta em algum desses grupos ou atividades ! Isso irá motivá-lo a fazer ainda mais.
  3. Faça o Culto do Evangelho no Lar.

Interessante notar que todos esses itens, o primeiro emergencial e os dois seguintes a médio e longo prazos, se instaurados como rotina, irão também afastar os espíritos, aqueles que querem te empurrar para as atividades tentadoras… e aos poucos, são substituídos por espíritos com ideais mais nobres!

Não se espante se “do nada” surgirem ideias brilhantes e ótimas oportunidades profissionais e pessoais em sua vida !





Boas Vindas !

24 01 2017

Este Blog é dedicado a Joana d´Arc – por sua vida ter sido a primeira prova documentada da existência do mundo espiritual. Tratamos assim da Doutrina Espírita – revelando esperança e consolação através do entendimento de nossas próprias ações.

soprar     Ao soprarmos a palma de nossas mãos, mesmo a uma certa distância, sentimos as moléculas do ar que foram deslocadas de nosso pulmão colidir com a palma da mão. Dessa forma infantil podemos imaginar quantos fatos existem no mundo invisível que desconhecemos…

    A Doutrina Espírita trata assim do estudo desse mundo invisível iniciado por Allan Kardec quando em Paris no ano de 1850 começou a analisar seriamente uma série de fenômenos sobrenaturais – com os fatos das mesas girantes.

    Com base na observação e repetição dos fatos, verificou-se tratar de ações provenientes de uma inteligência ainda desconhecida, pois havia uma comunicação através de sinais e sons. Evoluindo nos estudos observou-se que tais inteligências eram espíritos, ou seja pessoas falecidas que estavam se comunicando através de um médium.

Iniciou-se então a Ciência que estuda o mundo espiritual  – A Doutrina Espírita – codificada nos livros da obra de Allan Kardec onde está registrado todo o seu trabalho de busca por respostas desses fatos observados na época. Em um cuidado e rigoroso estudo obteve respostas sobre seus questionamentos feitos diretamente para o plano espiritual através de vários médiuns. E para constatar sua veracidade, Allan Kardec ainda se dirigia a outra cidade, através de outro médium (pessoa capaz de entrar em contato com o plano espiritual), e dessa forma fazia as mesmas perguntas. Comparava uma com as outras e registrava em sua obra. Um trabalho imenso de importância cada vez maior na medida que as questões eram respondidas.

Tamanha grandiosidade tornou que a Doutrina Espírita passou a ter consequências filosóficas e religiosas. O que era para ser apenas mais uma matéria a ser estudado nos colégios Parisienses, passou a ser a terceira grande revelação da humanidade – o retorno de Jesus, através suas respostas dadas a Allan Kardec.

Se tudo correr como previsto em alguns anos a humanidade irá comprovar a existência do plano espiritual cientificamente, e métodos de comunicação com os mortos serão desenvolvidos com qualidade nunca vistos. Se a Humanidade souber aproveitar e oportunizar a paz, teremos em alguns anos, um período de revolução moral, de entendimento pleno por todos – do que realmente somos, para que estamos aqui, de onde vimos e para onde vamos.

Até lá deixo essa publicação com data para o futuro como boas vindas a todos os leitores – na certeza do abandono do preconceito, da quebra de paradigmas e finalmente a prática do maior mandamento de Jesus.

Enquanto isso disponho nesse blog uma página somente para tirar dúvidas, e qualquer um pode fazer questionamentos que as respostas virão embasadas na Obra Espírita de Allan Kardec em sua essência. O quadro de pergunta está no final da pagina abaixo.

     https://joanadarc.wordpress.com/2007/05/30/duvidas-perguntas/#comments

BOAS VINDAS !





Devemos nos preparar.

30 11 2016

Qualquer pessoa com um pouquinho de tempo disponível, se olhar para o passado do planeta, não precisa voltar aos primórdios, mas uns 50 anos, perceberá que a população aumentou muito. Vilas se transformaram em cidades, locais de mata nativa começaram estradas, dutos, casas e prédios. As florestas diminuíram de tamanho em substituição a cortes ilegais, pecuária e agricultura para alimentar o mundo. O clima já não é o mesmo e não há qualquer indício que o homem por si só, consiga reverter tal situação. Pelo contrário, a tendência é piorar.

Dessa forma, não precisamos de videntes para prever o futuro. Ele está perceptível, basta olhar os efeitos de tais ações: Mudanças climáticas e hostilidade da natureza com o desequilíbrio causado pelo ser humano.

De outro ponto de vista, o egoísmo humano não apenas reflete na natureza. Crises econômicas e sociais apontam como reflexo da corrupção generalizada, irresponsabilidade e cobiça. Mesmo com o suor do trabalho honesto, não deveria o ser humano sentir vergonha de andar com um carro de um milhão de reais, mansões, joias e roupas milionárias diante de tantas pessoas implorando por atendimento nos hospitais, alimentação e educação?

Não há mais tempo para curtir a vida o ano todo. Quem quiser salvar sua vida, deverá tomar atitudes mentais na pratica de ações na caridade, no auxílio ao próximo, doando cada vez mais uma boa parte do tempo livre para ajuda aos mais necessitados, pois ali Jesus está.

25 Porque aquele que quiser salvar a sua vida, perdê-la-á, e quem perder a sua vida por amor de mim, achá-la-á. (Jesus Cristo em Mateus 17:25)





Tronco de Goiabeira

12 10 2015

Estou aqui na praia e podando algumas plantas me deparei com um grande pedaço de tronco de goiabeira. Como o pé tinha morrido pela seca, fui tirar um pedaço que estava atrapalhando o caminho.

A dificuldade foi tamanha! Então depois do feito, me interessei pela qualidade da madeira a ponto de procurar na internet o que fazer com ela, afinal jogar para o lixo me pareceu um desperdício depois do grande esforço que foi para cortá-la.

Assim cheguei à algumas utilidades:

Fazer um Arco e flecha;

Utilizar para ficar em aquários como decoração submersa;

Utilizar para encontrar poços artesianos pelo magnetismo;

Isso mesmo, a madeira da goiabeira, ainda com a seiva, aliada ao magnetismo humano pode ser utilizada para encontrar poços de água.

Ainda não sei o que fazer com os galhos, mas pelo menos encontrei uma palestra sobre magnetismo muito interessante. Bom dia !