Filho, você está feliz ? (Pergunta errada)

22 07 2015
Missão dos Pais

Missão dos Pais

Muitos responsáveis e pais perguntam aos filhos se eles estão felizes.

Contudo, primeiramente nós temos que saber realmente o que é a felicidade, pois no mundo atual, os valores estão invertidos.

Em muitos casos, uma resposta positiva que se está feliz, pode na realidade ser um grande equivoco.

Vou explicar com um exemplo.

Imagine um jovem alegre e vaidoso, o Joãozinho. Ele foi educado para ser uma pessoa de sucesso, cursou com dificuldade o ensino técnico, conseguiu desde cedo trabalho para conseguir continuar os estudos, fez faculdade e luta a todo custo para comprar um carro importado como o primo rico que já nasceu em berço de ouro. A Felicidade para Joãozinho é conseguir seu carro importado, viver viajando pelo Brasil, curtindo cada fim de semana num lugar diferente e ainda sobrar muito dinheiro para sair e festejar com amigos.

O pai dele pargunta, está feliz, Joãozinho ? Ele diz que está quase, só falta pouco para comprar o carro e sair curtindo…

Coitado do Joãozinho…

Pois para saber realmente o que é felicidade devemos ver as consequências de nossas ações, e para ter a real capacidade de distinguir o que é realmente feliz ou infeliz para o homem, é preciso se transportar para além dessa vida, porque é lá que os efeitos se fazem sentir.

A INFELICIDADE está na alegria, no prazer, na fama, na agitação por shows, noites e viagens sem fim, é a  louca satisfação da vaidade, que fazem calar a consciência numa ilusória fabrica de passa-tempos modernos que comprimem a verdadeira missão do homem culminando no futuro em profunda depressão, depois, que o momento se partiu e a oportunidade foi desperdiçada.

Assim, muitos acontecimentos que parecem felizes naquele momento, possuem consequências muito negativas no futuro. E muitos acontecimentos tristes e infelizes, cessam com a vida e encontram compensações positivas na vida futura…

Somos espíritos imortais, praticamos ações a todos instantes e colhemos seus efeitos no futuro nesta e nas próximas reencarnações. Logo, passar por uma situação triste agora pode significar uma libertação no futuro. E ficar curtindo a vida “adoidado”, numa surreal felicidade momentânea, pode significar perda de tempo ou até mesmo colher espinhos em uma reencarnação futura.

O problema da perda de tempo é que muitos ficam a vida toda perdendo o tempo…

A felicidade verdadeira, portanto, está nas ações que praticamos para o bem comum e para nosso melhoramento como pessoa, baseado na manutenção da paz do nosso coração, da calma e fé no futuro – sempre em busca de descobrir e cumprir nossa verdadeira missão nessa rápida passagem material. Logo, tenhamos coragem e que possamos agir, sofrer, esforçar, – seja em estar devotando trabalho a família, seja cumprindo diversos deveres que Deus nos confiou.

Assim, nessa vida atual, antes de perguntar se alguém está feliz, é melhor questionar …

Filho você sabe o que é ser feliz ?

 

Referências ——————————————————————————————-

Kardec Allan, O Evangelho Segundo o Espiritismo. Tradução Salvador Gentile, Revisão Elias Barbosa. Araras, SP, IDE, 365° Edição, 2009. 1804-1869. Capítulo V.

Links Recomendados

Provas da Reencarnação 1

Provas da Reencarnação 2

Download “Evangelho Segundo o Espiritismo

 

Anúncios

Ações

Information

2 responses

23 07 2015
Guilherme

Claudinho, gostei da sua analise sobre “infelicidade”.
Parabens pelo blog.

23 07 2015
Claudio Castro.

Obrigado pela visita virtual, deixo os créditos para Fenelin e Delphine de Girardin, que forneceram toda base desta reflexão, da obra em referência. Abraços!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: