Nossos Sofrimentos e Nossos Inimigos

5 06 2007

O Antagonista

O adversário em quem você julga encontrar um modelo de perversidade talvez seja apenas um doente necessitado de compreensão.

Reconhecemos o fato de que, muitas vezes, a pessoa se nos torna indigna simplesmente por não nos adotar os pontos de vista.

Nunca despreze o opositor, por mais ínfimo que pareça.

Respeitamos o inimigo, porque é possível seja ele portador de verdades que ainda desconhecemos, até mesmo em relação a nós.

Se alguém feriu a você, perdoe imediatamente, frustrando o mal no nascedouro.

A crítica dos outros só poderá trazer-lhe prejuízo se você consentir.

A melhor maneira de aprender a desculpar os erros alheios é reconhecer que também somos humanos, capazes de errar talvez ainda mais desastradamente que os outros.

O adversário, antes de tudo, deve ser entendido por irmão que se caracteriza por opiniões diferentes das nossas.

Deixe os outros viverem a sua própria vida e eles deixarão você viver a existência de sua própria escolha.

Quanto mais avança, a ciência médica mais compreende que o ódio em forma de vingança, condenação, ressentimento, inveja ou hostilidade está na raiz de numerosas doenças e que o único remédio eficaz contra semelhantes calamidades da alma é o específico do perdão no veículo do amor.

Francisco Cândido Xavier. Da obra: Sinal Verde. Ditado pelo Espírito André Luiz

Durante nossa vida é comum entrarmos em contato com pessoas difíceis e muitas vezes criarmos verdadeiros inimigos. Nessa mensagem de André Luiz vimos quanto é importante estarmos atento a esses acontecimentos e nos controlarmos emocionalmente para conseguir tirar a lição verdadeira da situação de conflito.

Deve-se ter em mente ainda que tudo o que fizermos ao próximo na realidade estamos fazendo a nós mesmos. Pois pela lei da ação e reação devemos ter a certeza de que tudo o que praticamos com o nosso próximo iremos gerar futuramente uma reação disso.

Praticando boas ações retorna boas reações a nós mesmos. Ruins retorna ruins. Muitos acontecimentos detestáveis nos acontecem, muitos até mesmos acidentes nos ferem psicologicamente ou fisicamente – tendemos a maldizer o nosso “Anjo da Guarda” ou até mesmos Deus por ter deixado tal acontecimento acontecer conosco. Essa ira interior deve ser raciocinada para aceitar o que não se pode mudar mais.

Afinal todos os nossos sofrimentos são causados por nós mesmos em vidas anteriores !

Não adianta reclamar com Deus por estar sofrendo tanto. Na realidade os nossos sofrimentos são em quase maioria reações de má ações nossas em vidas passadas. Lembra? Toda ação produz reações e iremos recebê-la de volta, nem que seja em outra vida… essa é a lei da ação e reação o qual somos todos regidos.

Contudo, nossas ações boas atuais são contra-pesos à nossas ações negativas dessa vida e das vidas passadas. Por isso o Espiritismo prega tanto a caridade, pois somente ela salva, perdoa e apaga nossos pecados.

Portanto se está sofrendo o único caminho é seguir o exemplo de Jesus e praticar caridade. Deus é nosso Pai Celeste e sofre por termos que sofrer pelos nossos erros.

Fica o convite para que todos possamos praticar a caridade ao próximo, seja material a um pobre necessitado, seja dedicando um pouco do tempo a visitar um orfanato, asilo, uma conversa amiga, um apoio moral às pessoas ao nosso redor.

“Fora da caridade não há salvação”

 





Anjos da Guarda & Doris Guisse sendo amparada…

27 04 2007

G1 Apresentadora caiu do oitavo andar sobre o telhado da garagem ao tentar salvar o gatinho da família. (G1)

A Doris, que Jesus possa estar iluminando seu ser espiritual para que descubra nesse renascimento muitas forças contínuas para a caridade e amor, estando assim mais próxima de Deus.

Aproveitando esse acidente vamos tirar algumas lições.

Todos nós temos um Anjo da Guarda responsável por nós – um espírito mais elevado que nós – com a missão de nos guiar e proteger enquanto estivermos encarnados ao nosso corpinho. Um trabalhador do meu grupo já foi atropelado, voou longe e caiu no chão. Quando houve esse acontecimento mais de um médium do meu grupo em conversa informal, me disse que o espírito protetor unido a outros espíritos tiveram que trabalhar muito, se mobilizando para que o acidente não tivesse maiores conseqüências. E realmente não teve. Assim também acredito que no caso da Doris Giesse ocorreu o mesmo. Não era a sua hora e houve com certeza grande mobilização de espíritos não apenas superiores, mas afins a ela, que guiaram sua queda.

Desse assunto portanto enumeramos alguns itens que devemos estar cientes a respeito de nosso “anjo da guarda”:

– Lei da Atração: A comunicação no plano espiritual se dá através do pensamento. E pela lei da atração, de acordo com nossos pensamentos, estaremos atraindo para perto de nós espíritos afins a eles. Se pensamos de forma constante em sexo, maldades e sentimentos ruins, com certeza ao nosso lado estará espíritos inferiores a nós mesmos sugerindo em nossa mente todos os tipos de obscuridades e erros, podendo até mesmo criar uma obsessão espiritual. Se pensamos em boas ações, no nosso trabalho, com fé, estaremos sintonizados com espíritos igualmente bons e principalmente ligados ao nosso espírito protetor. Exercitemos nossos pensamentos, não é por acaso que Jesus nos recomenda: “Orai e Vigiai!!!” – pois devemos vigiar os pensamentos. E orar para que os pensamentos ruins se afastem.

– Todos nós temos um Anjo da Guarda e nós podemos ouvi-lo, pois muitos dos nossos pensamentos são provenientes do nosso protetor que está imputando em nossa mente para no ajudar e guiar.

– O Anjo da Guarda sempre nos ouve, pois todos os nossos pensamentos são acessíveis a ele. Nos comunicamos através de pensamentos. Por isso quando pensamos coisas ruins ele se afasta, pois não se afina com eles; e ficamos a mercê de espíritos menos informados, que não se importam com o nosso bem, e até possíveis obsessores. Devemos ter cuidado, pois também eles, podem imputar pensamentos em nossa mente! Muitas ações nossas infelizes são praticadas devido a estarem nos impulsionando, principalmente ligadas aos excessos como sexo, drogas, depressões… Um bom combate a isso é a música. Cantar nos liga a uma faixa de freqüência mais elevada. E o melhor combate chama-se caridade, pois o ócio das horas vagas nos leva a maus pensamentos.

– Como saber se os nossos pensamentos são proveniente de uma sugestão do nosso anjo da guarda, de um espírito inferior, ou mesmo de nossa mente? Jesus já nos dizia para amar ao próximo como a si mesmo, pois nos colocando sempre no lugar do próximo. E imaginando as reações que possam resultar pela prática desses pensamentos ao próximo podemos distinguir pensamentos bons dos maus.

– Muitas vezes o nosso Anjo da Guarda quer nos ajudar, mas não pode – pois muitos acidentes graves são necessários para quitarmos uma má ação nossa no passado e assim estarmos livre dessa dívida. Muitos acontecimentos ruins e doenças, na verdade, é a cura de nosso espírito – nossa pessoa futura! Mas também o Anjo da Guarda não vai nos ajudar se agirmos com imprudência, pois o livre-arbítrio existe e não nos livra de acidentes se estamos procurando. Como por exemplo, pela prática de esportes pra lá de radicais sem cuidados necessários, “pegas” de corrida de carro nas ruas, desafios, excesso de velocidade, e etc. Toda imprudência já entra no campo do suicídio.

– Com a certeza da existência do nosso Anjo da Guarda, não vamos ignorá-lo, conversemos com ele, todos os dias, como um amigo invisível que é. Antes de nascermos todos nós somos ajudados por eles e sabemos de muitas provas e expiações que iremos enfrentar na Terra. Daí alguns sonhos reveladores antes de algum acidente inevitável (Lembram-se do grupo Mamonas onde um integrante sonhou com queda de avião um dia antes?). E como um treinador-amigo combinamos com nosso Anjo da Guarda que faríamos tudo de bom, aceitaríamos nossos sofrimentos e aproveitaríamos o máximo de nossas riquezas. Ao reencontrá-lo não fiquemos envergonhados de nossas ações improdutivas, impaciência, ira e falta de fé.

Outro assunto é referente às especulações. Muitas pessoas gostam de especular acidentes correlacionando com depressão, suicídio, etc. Pois digo uma coisa: Nunca devemos ter pensamentos pré-determinados ou supostos sobre alguma coisa e principalmente sobre alguém! Assim procedendo em pensamentos, sem o saber da verdade, estaremos vibrando e sintonizando negativamente atraindo a nós mesmos maus espíritos.

Mas como forma de alerta geral, gostaria de teclar algumas coisas sobre depressão e suicídio:

Primeiro que o suicídio é uma das piores mortes que alguém pode realizar. O resultado no plano espiritual irá ser terrível. Na verdade a pessoa não irá ver nenhum anjinho nem muito menos Jesus, Maria, nem mesmo seu espírito protetor – iluminado, puro, sorrindo !! NÃO ! Irá direto para uma zona onde se encontram todos os suicidas. Isso por ainda terem vida (energia vital), mas seu espírito já estar solto do corpo, já se decompondo. Além de ver seu corpo no estado que deixou, irá vê-lo se deteriorando ao poucos, sentirá todas as dores e sensações da forma de sua morte por todo o tempo de vida que ainda iria ter. Além disso irá estar junto com outros suicidas nas formas que ficaram ao morrer – mutilados, cortados, quebrados… Um verdadeiro filme de terror real para seu espírito. E terá que reencarnar com muitos problemas para quitar sua ação auto destrutiva. Muitos dos que possuem doenças mentais, síndromes, foram suicidas no pretérito. O alerta está dado.

Outro assunto complexo é a depressão. Toda pessoa que sofre de depressão, além dos remédios e tratamento médico, deveria passar por um tratamento numa casa espírita séria (filiada a FEB). As obsessões podem ser uma grande causa de depressão. Espíritos a quem nós fizemos mal no passado ou mesmo nessa vida podem estar 24 horas nos atacando pela menor chance que possa surgir. Uma das causas chama-se aborto. Deve-se tomar muito cuidado com os métodos contraceptivos. Alguns não são recomendados, pois não pode haver a fecundação. Caso haja a fecundação já existe vida, e o cancelamento disso é aborto. Muitas depressões são causadas por abortos que as mulheres fazem, sem mesmo saber. O espírito que iria vir se revolta e torna-se um inimigo no plano espiritual.

A melhor solução para obsessões ainda chama-se caridade, ações para o bem. Mas no caso da depressão, a própria doença impede o ser desse ato. É um caso muito difícil em que toda família deve ajudar, seja por meio de orações individuais, reuniões familiares para oração e estudo (culto no lar) sempre no mesmo horário e com freqüência certa, além de muito carinho, compreensão e cuidados. Para maior esclarecimento sobre depressão na visão espírita de forma completa clique em http://www.jesusdenazare.org/pdf/Depress%E3o-Artigo.PDF

Que um dia todos possam estar cientes das leis de Deus, do Universo, com a fé raciocinada que o Espiritismo fornece – pois é uma fé baseada em estudos doutrinados em bases científicas e filosóficas vindo do Espírito da Verdade, enviado por Jesus.

Se alguém tiver um amigo com essas possibilidades divulguem essas palavras e o link abaixo citado, já estará fazendo uma grande caridade.

Referências:

Livro dos Espíritos (download)

Leitura para as crianças: Aprenda a conversar com seu Anjo. Raul Teixeira.

Outros Links:

http://www.nenossolar.com.br/ciencias/artdvies.html

http://www.jesusdenazare.org/biblioteca.htm





Descobrimento do Brasil e a lei da ação e reação.

23 04 2007

BrasilTento não falar mais sobre isso, mas sempre tenho que comentar a lei da ação e reação. Pois é nosso dever saber que “Para cada ação há sempre uma reação oposta e de igual intensidade”. Fazer o Bem produz bem, o mal produz mal – a nós mesmos.

Não é diferente em relação aos países. A grande maioria está comprometida por essa lei e irá receber reações contra sí – pelas guerras, mortes e destruições feitas no passado.

Grande importância o Brasil para o futuro da humanidade, um país sem grandes comprometimentos formado pela união de todos os povos, todas as raças e culturas de todo o mundo.

Quem é espírita sabe o futuro do mundo nos próximos anos. O estudo e palestras em Casas Espíritas sérias nos leva ao saber construtivo com uma fé raciocinada pela lógica e razão.

Importante portanto, para todos nós brasileiros, procurar estudar, conhecer a doutrina Espírita independente de ideologias e estar ciente que Espiritismo é Jesus Cristo. É sua mensagem de forma direta, sem parábolas e com explicações do mais alto nível filosófico e científico. Critiquemos, mas para isso no mínimo temos que estudá-la. Criticar sem conhecer é maldizer.

“Mas, quando vier o Consolador, que eu da parte do Pai vos hei de enviar, aquele Espírito de verdade, que procede do Pai, ele testificará de mim.”

Jesus Cristo – por João 15,26

Leia o Livro dos Espíritos – pelo Espírito da Verdade doutrinado por Allan Kardec (PDF)

Grande problema é a confusão de Espiritismo com cartomantes ou trabalhos espirituais. Eles existem – sim. Quando não são fraudes, podem realmente ser pessoas que possuam a mediunidade e a usam sem conhecimento algum do evangelho de Jesus, sem conhecimento da doutrina Espírita, geralmente para benefício próprio e ainda misturando rituais que nada tem de Espiritismo. A atual novela “O Profeta” revela como um médium sem conhecimento e estudo pode ser prejudicial a sí próprio.

Que possamos estar ciente que a Doutrina Espírita são palavras vivas de Jesus, os espíritas são os novos apóstolos de Cristo – pela sua fé raciocinada na lógica; Espiritismo é amor, fraternidade, caridade e conhecimento – é explicação. E tudo isso consola quem sofre, porque estará sabendo os motivos de tal sofrimento, saberá o que virá após a morte, entenderá que nada é por acaso, pois Espiritismo é amor a Deus e amor ao próximo.

Outro problema com o Espiritismo é também a confusão com outras religiões como Umbanda e Candomblé. Todas merecem muito respeito mas Espiritismo é Espiritismo. Leia maiores esclarecimentos no link: Religiões Afro e Espiritismo: uma confusão freqüente.

Wikipédia sobre o Brasil

Livro – Brasil, coração do mundo, pátria do Evangelho.

Terceira Lei de Newton – Wikipedia





Coincidência? Em 21 de abril de 1792 no Brasil…

20 04 2007

Desde que me iniciei como espírita há dois anos atrás, não acredito mais em coincidências. Inclusive os links que adiciono neste blog, os bloglists, tudo não é por acaso. Mas voltando a questão – se chama Tiradentes.

Minha admiração pessoal pelo Espírito de Joana d´Arc veio me levou a publicar esse blog, e graças e isso acabo de descobrir outro espírito de grande força e coragem no Brasil – Alferes Joaquim da Silva Xavier – o Tiradentes. Com importante missão de libertação colonial, foi principal responsável pela Inconfidência Mineira. De forma heróica no fracasso da revolução, assumiu toda culpa sendo enforcado. O exemplo do Tiradentes tem que ser o mais lembrado, estudado e revivido em escolas, comunidades e casas brasileiras. Por que disso tudo? Porque ainda não foi alcançado o resultado dessa revolução até hoje! Sua bandeira com os dizeres Libertas quae sera tamen, que quer dizer “Liberdade ainda que tardia” tem que nos motivar. Assim como Joana d´Arc motivou os franceses, Tiradentes deve nos motivar a termos coragem de assumir nossos atos. Até hoje a verdadeira revolução não aconteceu, está alienada nas carteiras danificadas das escolas públicas, na mente desinteressada de muitos professores sem vocação, na preguiça e no ato de sempre querer tirar vantagens! Temos que começar a revolução já, dentro de cada um de nós, trabalho de formiguinha mesmo. Combatamos a corrupção, a violência, a pobreza, a falta de caridade, tudo no dia-a-dia nosso. Seja furando uma fila, aceitando propina, aplaudindo o filhinho que ao receber um tapa dá um soco, traindo nossa parceira(o)… temos que fazer nossa revolução ! Ética, honestidade e caráter. Como embasamento teórico temos no Espiritismo – que nos revela as leis do universo. Que essa Terceira Revelação possa ser usada para revolucionarmos o Brasil. Libertas quae sera tamen !!!

Bibliografia de Tiradentes:

http://www.expoente.com.br/professores/kalinke/trabalhos/HomePagePersonalidades/Tiradentes.html

Indicação de Leitura Últimas horas de Tiradentes:

http://www.paginaespirita.com.br/tiradentes.htm

Espiritismo:

http://espirito.org.br/portal/codificacao/le/index.html

Neste Blog – Joana d´Arc: Introdução >> Prefácio // (english version)





“Bigmouth Strikes Again” dos Smiths & Joana d´Arc e o preconceito

13 04 2007

Sempre ouvi a música Bigmouth Strikes Again dos Smiths e nunca verifiquei sua letra “…And I know how Joan of Arc felt…”! E essa música de Morrissey pela minha interpretação é um belo protesto contra todo o tipo de preconceito. Afinal o que é preconceito? É julgar antes de se ter o real conceito do objeto julgado. Assim, pelos estudos da Doutrina Espírita, todo praticante de algum tipo de preconceito a alguém ou a alguma coisa, em vidas futuras terá que resgatar esses julgamentos de alguma forma.

Portanto, devemos ter muito cuidado com qualquer tipo de demonstração de preconceito para não virmos a pagar por isso futuramente.

 

Sweetness, sweetness I was only joking
when I said Id like to smash every tooth
in your head

Sweetness, sweetness I was only joking
when I said by right s you should be
bludgeoned in your bed
and now I know how Joan of Arc felt
now I know how Joan of Arc felt
as the flames roseto her roman nose
and her Walkman stared to melt

Bigmouth, bigmouth
bigmouth strikes again
and I’ve got no right to take my place
with the Human race
and now I know how Joan of Arc felt
now I know of Joan of Arc felt
as the flames rose to her roman nose
and her hearing aid started to melt

Bigmouth, bigmouth
bigmouth strikes again
and I’ve got no right to take my place
with the Human race

 

 

Toda a letra e cifra em

http://the_smiths.sonidos.com.br/bigmouth_strikes_again/

A letra com tradução pode conferir em

http://www.autobahn.com.br/Letras_Traduzidas/Smiths_1.html

É uma letra forte, agressiva mas ao mesmo tempo poética e suave na voz do Morrissey.