Dia das mães, dia dos pais: Refletindo tendências …

11 08 2008
Missão dos Pais

Missão dos Pais

Fácil ver aquela criança se destacando do grupo na escola por ter atitudes agressivas mesmo possuindo uma família amorosa. Também comum estarmos diante de reportagens na tv ou até mesmo presenciar um jovem que parece nascer sabendo fazer contas matemáticas complexas ou até mesmo tocar instrumentos musicais sem nunca ter feito uma aula sequer… Tudo isso são tendências que o indivíduo possui de práticas e vivências referentes a vidas passadas. São evidências tão fortes e claras que podemos, pela sua lógica, provar a existência da reencarnação. E mesmo os mais céticos não se pode recusar que todos possuímos boas e más tendências.

Mas como identificar as tendências de nossos filhos ou em nós mesmos?

Um antigo sábio já nos disse “Conheça-te a ti mesmo”. Mas não é somente a auto-análise que dispomos para detectar as tendências… Devemos estar atentos às ações que praticamos, avaliar as reações a todo o momento, de preferência ainda antecipar a reflexão das conseqüências nos colocando no lugar do próximo para verificarmos se nossa prática irá ser boa ou desagradável.

Além disso, através do Espiritismo, recebemos o convite de procurar a Reforma Íntima para corrigir aspectos imperceptíveis às nossas vistas, com o suporte da casa Espírita, que oferece passes magnéticos e sessões de estudo da Doutrina Espírita; Lugar também que ensina a ser feito o estudo sistematizado no lar com a família para harmonizar o ambiente.

Assim deveria proceder toda religião e filosofia – nos ajudar a descobrir nossas próprias características, criando mecanismos facilitadores para que possamos lançar a espada contra nós mesmos e promover um verdadeiro crescimento pessoal e espiritual !

“Não penseis que vim trazer paz à terra; não vim trazer paz, mas espada.” Jesus Cristo (Mateus 10:34)

Então, através dessa busca teremos condições de partir para o coletivo de forma certeira na correção de desvios de conduta de filhos em crescimento, principalmente nesses dias onde as facilidades para ingresso em caminhos errados são enormes em todas as idades. Com exemplo temos a internet e demais meios de comunicação onde os jovens são bombardeados de maus exemplos e facilidades de acesso a conteúdos pornográficos que há tempos atrás nem adultos conseguiam. As câmeras em msn são um perigo constante. E mesmo não procurando acaba-se por surgir propagandas que levam a sites altamente poluentes.

Portanto, além de conhecer os dons e defeitos dos filhos, os pais da atualidade ainda tem que se tornar verdadeiros vigilantes das facilidades que estão disponíveis a seus filhos e direcioná-los a boas atividades como rotina.

Estejamos fortes – mentalizando e orando para que possamos estar atentos aos detalhes de nossas vidas, de nossos filhos e de nossos irmãos – sempre buscando reflexões e interagindo para a nossa própria felicidade futura.

Bom trabalho a todos ! Deixo uma sugestão – que possamos clicar no “Play” do vídeo de Fábio Junior cantando “Pai” em grande momento de inspiração – e durante toda música oremos por toda família !

Pai

Tom: A
Introdução: A7+ D7+ A7+ D7+

A7+ D7+ A7+
Pai, pode ser que daqui a algum tempo
D7+ Bm7
Haja tempo pra gente ser mais
D/E E/D C#m7 F#m7 Bm7 D/E
Muito mais que dois grandes amigos, pai e filho talvez
A7+ D7+ A7+ D7+ Bm7
Pai, pode ser que daí você sinta, qualquer coisa entre esses vinte ou trinta
D/E E/D C#m7 F#m7 Bm7 D/E
Longos anos em busca de paz….
A7+ D7+ A7+ D7+ Bm7
Pai, pode crer, eu tô bem eu vou indo, tô tentando vivendo e pedindo
D/E E7(b9) A7+ C#m7 D7+ D/E
Com loucura pra você renascer…
A7+ D7+ A7+ D7+ Bm7
Pai, eu não faço questão de ser tudo, só não quero e não vou ficar mudo
D/E E7(b9) A7+ G/A G#5/A A7(9)
Prá falar de amor pra você 1 2 3 4
D7+ D#º A F#m7 Bm7
Pai, senta aqui que o jantar tá na mesa, fala um pouco tua voz tá tão presa
D/E Bm7 D/E E7(b9) A7+ G/A Eb7(9/#11)
Nos ensine esse jogo da vida, onde a vida só paga pra ver
D7+ D#º A/E F#m7 Bm7
Pai, me perdoa essa insegurança, é que eu não sou mais aquela criança
Dm7 C#m7 F#7 C#m7/G# F#7/A# Bm7
Que um dia morrendo de medo, nos teus braços você fez segredo
D/E E7(b9) A7+ G/A A7(9)
Nos teus passos você foi mais eu
D7+ D#º A/E F#m7 Bm7
Pai! Eu cresci e não houve outro jeito Quero só recostar no teu peito,
Dm7 C#m7 F#7 C#m7/G# F#7/A# Bm7
Prá pedir prá você ir lá em casa E brincar de vovô com meu filho,
D/E E7(b9) A7+ G/A A7(9) Eb7(9/#11)
No tapete da sala de estar Ah! Ah! Ah!…

D7+ D#º A/E F#m7 Bm7
Pai, você foi meu herói meu bandido, hoje é mais muito mais que um amigo
Dm7 C#m7 F#7 C#m7/G# F#/A# Bm7
Nem você nem ninguém tá sozinho, você faz parte desse caminho

D/E E7(b9) D7+ A7(sus4) G/A A/D B/A G7+ D/F# Em7 A9/C# F#7+
1 234 1 234 1 2 3 4
Que hoje eu sigo em paz Pai Paz …

Anúncios