Pink Floyd e nossos desejos

16 08 2007

Esta música do Pink Floyd é uma das primeiras que eu conseguir tocar no violão. Sua letra é muito profunda, criada em 1975. O título nos passa uma mensagem de sentimento de perda, saudade. Como tudo nesse mundo é passageiro devemos ter a certeza de que tudo, inclusive nosso corpo e vida material é passageiro. E a saudade só é positiva se transformamos ela em ações.

Portanto, a perda de alguém querido, não deve ser alimentada com pensamentos de não aceitação, inconformismos, ou saudade com desejos fortes de retenção. Mas sim em ações onde o sentimento da saudade apenas servirá como combustível motivador para a pratica de uma determinada ação de caridade em homenagem a essa pessoa querida.

Por estudos Espíritas sabemos que nosso espírito é imortal. Portanto alegremos nossos amigos e familiares que não estão mais presentes conosco materialmente trocando a saudade pela caridade concreta!

E vou mais além. Isso serve não apenas para saudade de pessoas falecidas, mas também para “dor-de-cotovelo” em geral, amigos morando longe, separações de qualquer tipo… A ação na caridade sempre anula os sentimentos negativos transformando-os em saudades positivas.

Intro:
Em / G / Em / G / Em / Am7 / Em / Am7 / G / G

C D Am G
So, so you think you can tell, heaven from hell? Blue skies from pain?

D C Am
Can you tell a green field, from a cold steel rail? A smile from a veil?

G C D
Do you think you can tell? Did they get you to trade, your heroes for ghosts?

Am G D
Hot ashes for trees? Hot air for a cool breeze? Cold comfort for change

C Am G
And did you exchange, a walk-on part in the war, for a lead role in a cage…

(guitar solo – repeat intro)

C D
How I wish, how I wish you were here

Am G D
We’re just two lost souls swimming in a fishbowl, year after year

C Am
Running over the same old ground, what have we found – the same old fears?

G
Wish you were here

–0–3———— ———3————

——–0–2–3— ——-2————–

—————— —–2—————-

—————— –0——————-

—————— ———————-

—————— ———————-

Anúncios