Provas da Reencarnação. Galileu demorou mas venceu!

17 11 2008

Música tema do filme “Minha vida na outra vida”

Muitas pessoas não querem pensar sobre o assunto reencarnação. Talvez por falta de tempo, por simplesmente não pensar no assunto espiritual  ou até mesmo por colocar em cheque toda uma filosofia que se segue há anos evitando quebrar paradigmas e dogmas.

Jenny Cockell quebrou paradigmas

Jenny Cockell quebrou paradigmas

Uma coisa é certa –  é inegável a existência da reencarnação. Seja comprovado pela observação dos fatos ou até mesmo em relatos reais – como o caso do filme “Minha vida na outra vida”  que relata o ocorrido com Janny Cockell. Vejamos a sinopse do site da Interfilmes.com

http://www.interfilmes.com/filme_17015_Minha.Vida.na.Outra.Vida-(Yesterday.s.Children).html

foto

“Pela primeira vez na história, um filme retrata, com fidelidade, lógica e respeito, a reencarnação, tema de interesse de milhões de pessoas em todo o mundo. Baseado em fatos reais relatos no livro autobiográfico de Jenny Cockell, Minha Vida na Outra Vida conta a história de Jenny, uma mulher do interior dos Estados Unidos, que tem visões, sonhos e lembranças de sua última encarnação, como Mary, uma mulher irlandesa que faleceu na década de 30. Intrigada, Jenny sai em busca de seus filhos da vida passada. Tem início uma jornada emocionante. Jenny é magistralmente interpretada pela renomada atriz Jane Seymour, de Em Algum Lugar do Passado. Só, que desta vez, não se trata de ficção, mas de realidade. Neste DVD, você pode ver o filme na versão dublada ou legendada. O DVD traz o filme com áudio original em inglês e legendas em português e também o áudio dublado em português.”

Quantos aos fatos, podemos verificar observando as crianças, suas tendências e dons, pois são em maioria adquiridos por vivências nas áreas específicas em vidas passadas. Quem não conhece uma criança que tem uma grande facilidade em tocar piano ou fazer cálculos matemáticos. São aprendizagens anteriores revelando agora como facilitadores e aptidões.

“Ethan Bortnick aprendeu a tocar aos 3, ouvindo Mozart. Filho de ucranianos virou celebridade e encanta profissionais. G1

As “más tendências” também. Muitos desde cedo apresentam tendências a atos negativos e errados, pois no passado tiveram essas vivências e agora os pais estão encarregados de corrigí-los pela educação.

Sem falar nas pessoas que nascem com problemas mentais, deficiências diversas e outras doenças; Pois essas pessoas e familiares delas devem ter a alegria de estar nessa vida reparando erros do passado. Numa próxima encarnação estarão em situação melhor se aproveitarem todos com resignação seus problemas atuais. Nosso Pai Celeste é bom para todos, puro amor. Todos os problemas que nos acontecem são efeitos de nossas próprias ações e pagamos por isso – Com ferro fere, com ferro será ferido…

Assim tudo se encaixa, pois todos os atos que praticamos iremos receber de volta nessa vida ou numa vida futura. Logo, se a humanidade um dia soubesse dessa lei com certeza iria pensar muito antes de fazer algo negativo contra o próximo ou a si mesmo. A certeza de que cedo ou tarde receberemos os nosso próprios atos na mesma intensidade contra nós mesmos é de extrema importância para se evitar sofrimentos futuros.

A lei da ação e reação descoberto por Isaac Newton, que gera bases lógicas para a Lei da Causa e Efeito onde o Espiritismo nos ensina que devemos aplicá-la em nossas vidas para levar razão a nossa fé. Afirmar que em uma reação não existe uma ação anterior é um absurdo físico. Do mesmo modo, tentar detectar um efeito sem uma causa anterior, é ir contra a natureza.

Lex III: Actioni contrariam semper et aequalem esse reactionem: sine corporum duorum actiones in se mutuo semper esse aequales et in partes contrarias dirigi.

“A toda ação há sempre oposta uma reação igual, ou, as ações mútuas de dois corpos um sobre o outro são sempre iguais e dirigidas a partes opostas.” Isaac Newton

Um dia toda a humanidade irá conhecer e aplicar a lei da causa e efeito em suas relações de vida e o mundo irá passar por uma revolução moral onde todos irão apenas praticar boas ações ao próximo, com respeito e amor.

Mesmo diante de todas essas evidências, muitos ainda buscam contestar a reencarnação com o pensamento de que sempre nascem mais pessoas do que morrem, assim como poderia existir reencarnação se o número de nascimentos é maior a cada dia?

Diante desse questionamento devemos saber que o número de espíritos no planeta Terra é muito grande, muito maior do que o número de pessoas encarnadas – tendo assim uma fila grande para nascer disponível. Mesmo assim ainda devemos saber que espíritos mais elevados não estão presos a este planeta, estão livres no universo. Esse planeta é só um grão de areia…

“Tenho a impressão de ter sido uma criança brincando à beira-mar, divertindo-me em descobrir uma pedrinha mais lisa ou uma concha mais bonita que as outras, enquanto o imenso oceano da verdade continua misterioso diante de meus olhos.” Isaac Newton.

A simplicidade das minhas palavras com certeza gerarão dúvidas e até mesmo críticas, por isso, antes de mais nada, gostaria de sugerir uma leitura atenta da codificação Espírita onde o tema está bem detalhado e organizado com bases científicas pelo codificador Allan Kardec.

Deixo o convite para leitura da obra “Livro dos Espíritos” proveniente dos espíritos e codificada por Allan Kardec e também para assistir o filme “Minha vida na outra vida” – Nota 10 em qualidade e conteúdo.

Outro fato verídico está no relato de James Huston Jr. Uma incrível e real história de reencarnação que impressionou milhares de norte-americanos. James Leininger, uma criança de apenas 2 anos, tem pesadelos horripilantes e, por causa deles, consegue falar sobre pessoas e cenas com uma riqueza de detalhes assustadora. Preocupados, seus pais começam uma busca incansável atrás da verdade por trás das palavras de James. O resultado é a descoberta da história de James Huston Jr., piloto norte-americano que morreu na Segunda Guerra Mundial. E quanto mais revelavam sobre o falecido combatente, mais Bruce e Andrea se convenciam da impressionante ligação entre este e seu filho. A Volta é o relato da história que comoveu milhares de telespectadores da rede de televisão norte-americana ABC .O livro sobre esse relato já se encontra a venda em português. Imperdível.

Abaixo um vídeo técnico sobre como a reencarnação a cada dia está sendo mais evidente e outro produzido pela Rede Globo com enfoque superficial.

Um dia essa publicação sobre reencarnação será algo bastante primitivo, como quando ainda pensávamos que todos os planetas, inclusive o sol rodavam ao redor da Terra… Galileu revelou suas provas e foi condenado pela Inquisição e forçado a abjurar toda e qualquer defesa de sua tese. Mas a verdade veio a tona pela ciência um dia.

A ciência não quer destruir religiões. Contudo a verdade não pode ser ocultada por muito tempo e devem ser utilizadas para aperfeiçoar as religiões.

A Doutrina Espírita não veio para roubar “fieis”, mas para divulgar verdades e oferecer recursos filosóficos para a ciência. E também para que as religiões possam retificar suas teses e melhor trabalharem, pois a reencarnação está em nós mesmos.

Em 1856 a Doutrina Espírita revelou que existe a reencarnação. Nos dias atuais, a ciência já começa a comprovar sua realidade…


Outros Links sobre a reencarnação:

http://www.espirito.org.br/portal/artigos/paulosns/reencarnacao-a-prova-definitiva.html

http://www.ippb.org.br/modules.php?op=modload&name=News&file=article&sid=2644

Abaixo um vídeo de Raul Teixeira sobre a Lei da Reencarnação, que certamente irá fechar muito bem o assunto para que o leitor possa refletir sobre o assunto e tirar suas próprias conclusões.

 

Anúncios

Ações

Information

8 responses

20 11 2008
Erika

Caro autor (a),
Não te conheço mas não pude deixar de expressar meu profundo lamento pela veracidade do conteúdo que você divulga nesse blog.
Longe de mim criticar a divulgação das suas idéias, pelo contrário, acho louvável pessoas que se dedicam na divulgação do conhecimento.
O que fode mesmo ( e fica aí a dica) é o tom do discurso mesmo, com destaque pra biografia da tal heroína Joana D’Arc, que até pra uma ficção pega mal, meio clichê, sabe? Poxa, não fala bobagem, já que (pra você) Espiritismo é Ciência e Filosofia, às vezes vale a pena se interar um pouco da mãe e sua filha.
Cordialmente,
ou posso mandar um grande abraço?

21 11 2008
Claudinho

Muito obrigado Erika pela observação que achei muito construtiva, pois atualmente estou lendo o livro do Primo Levi, “os afogados e os sobreviventes” que me fez refletir em muitas coisas – e neste caso relativo ao problema da simplificação:

“Tendemos a simplificar inclusive a história; mas nem sempre o esquema no qual se ordenam os fatos se pode determinar de modo unívoco, e pode ocorrer, pois, que historiadores diferentes compreendam e construam a história de modos incompatíveis entre si(…)”
“(…) são propensas a reduzir a torrente dos acontecimentos humanos aos conflitos, e os conflitos aos duelos, nós e eles, os atenienses e os espartanos, os romanos e os cartagineses(…)
Esse desejo de simplificação é justificado, a simplificação nem sempre o é.”

E justamente utilizo muito o mecanismo da simplificação, principalmente nesse super resumo biográfico que citou. Pois o meu objetivo seria lançar uma curiosidade inicial para que o leitor possa se aprofundar no assunto. Contudo posso estar incorrendo num sério erro mencionado pelo Primo Levi.
E graças a sua “bronca” estarei nesse exato momento melhorando essa questão que estava esquecida por ter sido a primeira coisa que fiz nesse blog. Realmente o resumo biográfico estava muito ruim, parecia alguma propaganda de locadora de bairro mesmo, apesar de estar baseado em meus estudos em publicações já mencionadas, o tom resumidor não ficou satisfatório.
Quanto ao tom do discurso e ao “fala bobagem” acredito que se refira a biografia que já foi retirada deste blog nesse momento.
Referente a interação, não ficou claro do que estava falando. Se for algo pessoal, infelizmente sou humano, tenho muitos defeitos, fraquezas e estou muito longe da perfeição moral, contudo busco seguir o conselho de Chico Xavier em psicografia que nos diz “Faça sempre o melhor que puder, e o melhor surgirá.” Nesse blog faço o melhor que posso, no trabalho faço o melhor que posso, na família faço o melhor que posso e sei que nunca vou agradar a todos, e talvez nem agrade a mim mesmo o quanto queria, mas estou tentando.
Assim agradeço muito pela contribuição e eu com certeza lhe mando um abraço fraterno. Mais uma vez obrigado e esteja a vontade para outros comentários, pois sempre acreditei que o crescimento ocorre com as divergências e críticas.

30 12 2008
Adriana

Ótimo post. Assisti esse filme e adorei. Também falei sobre ele em meu blog. Recomendo a todos. Abraços fraternos e continue assim com seu trabalho. Tudo de bom em 2009.

7 09 2009
Remorso e a Esquizofrenia « Joana d´Arc

[…] na existência de vidas anteriores, gostaria de indicar posteriormente a leitura da publicação “Provas da reencarnação” nesse mesmo […]

14 09 2009
22 09 2011
28 10 2012
22 07 2015
Filho, você está feliz ? (Pergunta errada) | Joana d´Arc

[…] Provas da Reencarnação 1 […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: